Sexualidade Masculina

Borda

Percebo que com as diversas mudanças da atualidade e dos papéis de gênero, cada vez mais o homem necessita olhar para a sua sexualidade, compreender os seus sentimentos e entender o funcionamento do seu próprio corpo.

A sexualidade engloba o SER em sua totalidade, e o autoconhecimento é o melhor caminho para ajudar você homem a viver de forma mais plena a sua vida, proporcionando a força e autoestima, melhorando a sua entrega e grau de intimidade nas relações.

Olhar para a sexualidade vai além das DISFUNÇÕES SEXUAIS conforme podemos ver no conceito da OMS, mais elas também fazem parte:

A saúde sexual é um estado de completo bem-estar físico, emocional, mental associado à sexualidade e não só à ausência de doença ou enfermidade” (OMS, Organização Mundial de Saúde).

A pessoa pode apresentar alterações ou perturbações no seu ciclo de resposta sexual surgindo as dificuldades ou disfunções sexuais que impedem a vivência de uma vida sexual satisfatória e gratificante. 

Algumas causas que podem estar na origem ou contribuir para estas dificuldades, podem ser orgânicas, psicológicas ou mistas. Problemas de saúde físicos e psicológicos, uso de medicamentos, tabagismo, problemas afetivos ou de natureza relacional, falta de experiência sexual e de conhecimento do corpo, traumas sexuais, assim como fatores socio econômicos e profissionais, podem refletir-se de forma negativa na resposta sexual. 

O tratamento com um profissional especializado é uma forma eficaz de desbloquear medos e ansiedades, permitindo a construção de atitudes positivas em relação ao sexo.

Principais Disfunções sexuais masculinas

Muitos homens sentem-se ainda muito retraídos na procura de ajuda para lidar com problemas de ordem sexual. Há uma grande resistência interna e um medo do julgamento alheio. Já atendo muitos homens que a vergonha e o medo do julgamento foram seus maiores obstáculos. Mas quanto mais cedo assumirem que podem precisar de apoio e aconselhamento, mais qualidade de vida ganham. É importante partilhar para não sofrer. E tenho algo muito positivo pra te contar, muitas das disfunções são facilmente tratáveis.

As disfunções sexuais masculinas mais comuns são:

  • Baixo Desejo sexual

 “Ausência ou deficiência persistente ou recorrente de fantasias e desejo de actividade sexual” (Fonte: DSM IV)

Causas psicológicas:

  • Pode estar associada a outras disfunções sexuais no homem ou na parceira
  • Distanciamento emocional e conflitos no casal também foram associados a esta disfunção, embora seja difícil perceber se é a causa ou a conseqüência desta disfunção
  • Doenças psiquiátricas (depressão e perturbações de ansiedade)
  • Acontecimentos de vida, luto e outras perdas

Causas orgânicas

  • Efeitos gerais de uma doença física
  • Efeitos colaterais de determinadas medicações.

 Disfunção erétil:

 É a incapacidade persistente ou recorrente para atingir ou manter uma ereção adequada até completar a atividade sexual, provocando acentuado mal-estar ou dificuldade interpessoal.

A disfunção erétil pode dever-se a várias causas, nomeadamente orgânicas, psicológicas ou mistas.
Para a resolução da disfunção erétil é fundamental não só a ida a um especialista, para se chegar a um diagnóstico adequado, como o diálogo aberto com a(o) parceira(o).

As causas da disfunção erétil podem ser muito variadas:

  • Problemas psicológicos 
  • Estresse
  • Depressão
  • Ansiedade de execução
  • Medo do fracasso
  • Baixa auto estima
  • Insatisfação / Conflito conjugal
  • Informação deficiente/mitos sobre a sexualidade
  • Doenças vasculares
  • Diabetes
  • Problemas hormonais
  • Uso de determinados medicamentos

EJACULAÇÃO PRECOCE

  • Ejaculação retardada

Dificuldade de ejacular, compreendendo desde o atraso ou inibição específica dos mecanismos de ejaculação. É involuntariamente uma ejaculação muito tardia. Na minha prática clínica percebo esta disfunção muito relacionada as questões emocionais, tensão, dificuldade de relaxar, preocupação em agradar o outro, muitas vezes abrindo mão do seu próprio prazer e entrega sexual, prejudicando assim a resposta sexual.

  • Inibição do orgasmo masculino

Dificuldade persistente ou incapacidade de atingir o orgasmo apesar da presença de desejo, de excitação e estimulação. O homem não é capaz de ejacular com a sua parceira, sendo capaz de ejacular na masturbação ou durante o sono. Diferente da anejaculação porque nesta o homem consegue atingir o orgasmo.

Relativamente raro e provavelmente a disfunção que se encontra menos frequentemente na prática clínica.

Causas psicológicas:

  • Estimulação desadequada
  • Medo (gravidez, compromisso)
  • Ansiedade de performance
  • Trauma sexual prévio
  • Hostilidade da parceira e problemas na relação conjugal

Curtiu? Compartilhe:

Wave

Contato

Ops! Verifique os campos marcados e tente novamente.
Obrigado! Seu contato foi enviado com sucesso.
Agende
Fácil

UNIDADE TORRES

(51) 3626-2936 (51) 98119 – 0002
R. Bento Gonçalves, 165/715 – Centro
SER Saúde Integrada
Agende
Fácil

UNIDADE CAPÃO DA CANOA

(51) 3626-2936 (51) 98119 – 0002
Rua Ararigbóia, 634 – Centro
Guerra Medicina Integrada
Wave